Assinatura Digital

Ricardo Carvalho paga multa por fraude fiscal e pena é anulada

Delitos cometidos em 2011 e 2012 em Esoanha

Foto: EPA

Ricardo Carvalho pagou uma multa de 142.822 euros por delitos fiscais cometidos em 2011 e 2012 quando estava ao serviço do Real Madrid. A pena era de sete meses de prisão, mas como chegou a acordo, a mesma foi anulada, não estando sequer em causa a pena suspensa, ao contrário do que foi inicialmente avançado pela agência EFE.

O veterano futebolista -  que atua agora Shanghai SIPG - já tinha chegado a acordo com a autoridade tributária de Espanha, reconhecendo as ações praticadas no âmbito de verbas relacionadas com direitos de imagem, acabado por devolver 545.981,03 euros, o total que era exigido como pagamento, segundo a EFE.

O ministério público espanhol pedia um ano de pena de prisão e 300 mil euros de multa, que o tribunal considerou "desproporcionados". Perante a insistência dos representantes do estado, dando como exemplo a pena de 21 meses imposta ao argentino Lionel Messi, os magistrados observaram que o valor defraudado pelo jogador do Barcelona é muito superior ao que era imputado a Ricardo Carvalho, ascendendo a 4,1 milhões de euros.

Ricardo Carvalho, de 39 anos, transferiu-se do clube inglês para o Real Madrid em junho de 2010, tendo alinhado na equipa da capital espanhola até junho de 2012.

Notícia atualizada às 13H36.



PUB