O Estado islâmico assumiu a responsabilidade pelo tiroteio, num festival de música country em Las Vegas, nos EUA, que matou pelo menos 50 pessoas e feriu mais de 400 na última madrugada. 

"O ataque de Las Vegas foi levado a cabo por um soldado do Estado islâmico em resposta ao pedido para atacar países da coligação", segundo um comunicado divulgado pela agência Amaq, citado pela Reuters.

"O atacante de Las Vegas converteu-se ao islamismo há poucos meses", referia ainda o comunicado da Amaq.


Video demonstra o pânico vivido no tiroteio em Las Vegas

Video demonstra o pânico vivido no tiroteio em Las Vegas