Tiago Antunes, o 4.º árbitro do Sp. Braga-FC Porto, cujo trabalho tem estado na mira dos dragões, fez uma queixa na polícia na terça-feira à tarde por ameaças via telemóvel e redes sociais, assim como por intromissão no seu perfil no Facebook, revelou a CM TV.

As queixas junto das autoridades aconteceram horas antes de Francisco J. Marques, diretor de comunicação dos portistas, revelar uma troca de mensagens entre o juiz e um adepto do FC Porto, que levou mesmo o dirigente a acusar Tiago Antunes de "xenofobia".