Portugal vai ter o campeão mundial Brasil, o Egito e o anfitrião Emirados Árabes Unidos como adversários na Taça Intercontinental de futebol de praia, a decorrer de 31 de outubro a 4 de novembro, no Dubai, ditou esta terça-feira o sorteio.

O selecionador nacional de futebol de praia, Mário Narciso, em declarações ao site da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), espera "grandes dificuldades" para Portugal, num grupo que considera "muito forte e cheio de grandes jogadores".

"O Brasil é campeão do Mundo. É uma seleção onde o talento abunda. Podia lançar 20 equipas altamente competitivas e todas chegariam às fases decisivas das competições. É realmente um caso à parte", considerou Mário Narciso.

O selecionador nacional disse ainda que os Emirados Árabes Unidos têm evoluído muito e, no último jogo com Portugal, mostraram muita qualidade, para além de jogarem em casa. "Sei que o Egito é muito forte, até porque está no top-20 mundial. Vamos estudá-los muito bem", declarou o técnico nacional, assumindo que o objetivo de Portugal é ganhar todos os jogos no Dubai".

No outro grupo em prova na sétima edição da Taça Intercontinental de futebol de praia, estarão as seleções de México, Irão, Paraguai e a Rússia, vencedora da Liga Europeia em 2017.

Apuram-se para as meias-finais os dois primeiros classificados de cada grupo. A seleção brasileira é a detentora do título, depois de ter vencido a edição de 2016.

A melhor prestação da seleção portuguesa de futebol de praia na Taça Intercontinental foi um terceiro lugar, obtido em 2014, enquanto os russos são os recordistas de troféus, com três conquistados em 2011, 2012 e 2015.

A Taça Intercontinental de futebol de praia irá realizar-se entre 31 de outubro e 4 de novembro, em Business Bay, no Dubai.

Autor: Lusa