Dezassete dos 18 clubes que disputam o escalão principal do futebol português já se comprometeram com a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) a participar na primeira edição do Campeonato Nacional de Sub-23, cujo modelo competitivo está a ser trabalhado e vai ser apresentado no dia 15 de abril . O único dos primodivisionários que poderá ficar fora da competição, ou seja, que não se comprometeu a participar, é o Moreirense. Os restantes estão... dentro.

Ora, este compromisso abre caminho ao fim da participação das equipa B dos principais emblemas nacionais na 2ª Liga, o que não é líquido para todos os casos. O Sporting foi o primeiro a tomar posição, vai substituir a equipa B pela de sub-23. FC Porto e V. Guimarães ainda não tornaram públicas as suas posições, mas devem seguir o mesmo caminho. Aliás, na Cimeira de Presidentes, realizada na quarta-feira, em Coimbra, responsáveis dos dois clubes terão assumido que só participarão numa das competições. Como já se comprometeram com a FPF, é fácil perceber qual das duas – sub-23 ou 2ª Liga – será a escolhida.

O posicionamento do Benfica é distinto, já que na Luz existe a intenção de manter a equipa B e avançar com a criação da de sub-23. Modelo que poderá ser igualmente seguido pelo Sp. Braga, cuja posição é a menos nítida de todas. Contas feitas, haverá menos três ou quatro participantes na 2ª Liga, versão 2018/19. O que abre a porta a que todos os restantes clubes garantam a permanência, mesmo que ocupem um dos lugares de despromoção no final da época.

Certezas só existirão a 15 de abril, dia em que é apresentado o modelo final do campeonato de sub-23 e fecham as inscrições na 2ª Liga.

FPF e clubes discutem sub-23

A reunião que juntou Carlos Lucas, diretor da FPF, e representantes dos clubes da Liga, ontem, em Oeiras, permitiu perceber algumas ideias-base da nova prova. Será um campeonato de sub-20, em que podem ser utilizados cinco jogadores até 23 anos e mais dois ou três acima dessa idade. A 1.ª Divisão terá 12 ou 14 equipas, as melhores classificadas . As restantes disputam a 2.ª Divisão. Haverá uma poule final, de apuramento do campeão, e outra de permanência. Nada está fechado. A discussão continua.


Autor: João Lopes