Record

Assinatura Digital Premium Saiba mais

Plantel visitou as novas instalações do estádio

Comitiva agradada com o que viu

• Foto: Filipe Pinto
O presidente do Sporting da Covilhã, da II Liga, José Mendes, conduziu este sábado uma comitiva composta por dirigentes, jogadores, antigos atletas e autarcas na visita às renovadas instalações do Estádio Santos Pinto.

Durante cerca de uma hora o grupo visitou os remodelados balneários, decorados com imagens da história do clube, a bancada central ainda em construção e as zonas técnicas e administrativas.

Em declarações à agência Lusa, o dirigente disse que o final das obras em curso está previsto para dia 12 de agosto, a tempo do início do campeonato.

Ainda por concluir está a bancada central, que foi demolida e está a ser reconstruída. Esta é a terceira fase da intervenção no recinto, um investimento do clube cujo valor José Mendes não revela.

"Estas condições dignificam o Sporting da Covilhã e a imagem que queremos dar do clube que somos. Faltavam-nos as infraestruturas. Estamos neste momento a consegui-lo e estamos todos de parabéns", salientou José Mendes à Lusa.

O antigo goleador Fazenda, que vestiu as cores serranas entre 1965 e 1980, vê-se num dos painéis no corredor e recorda a diferença nas condições que os jogadores tinham na altura, quando jogava num pelado, e agora.

"Isto está maravilhoso! O Sporting da Covilhã já merecia uma coisa destas", realça a antiga glória dos 'leões da serra'.

O Estádio Santos Pinto entrou em obras há dois anos, no defeso, e prolongaram-se até setembro de 2016. Na altura foi renovada toda a zona nascente do estádio. No ano passado, logo após o último jogo do campeonato, as obras da segunda fase contemplaram parte da bancada poente e a construção de uma estrutura de três pisos, que incluiu novos balneários, espaços administrativos, sala de treinadores, camarotes, zona de imprensa e uma bancada.

A intenção da direção liderada por José Mendes é fazer "um estádio à inglesa". Para terminar a intervenção ainda falta uma quarta fase, a iniciar quando "houver dinheiro".
Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sp. Covilhã

Notícias

Notícias Mais Vistas

M M