A SAD do Aves tem resistido às pressões exercidas pelos investidores estrangeiros, nomeadamente chineses, para despedir o treinador Ricardo Soares. De acordo com informações recolhidas por Record, o elenco liderado por Luiz Andrade não irá tomar qualquer decisão até ao jogo com o Portimonense, até porque continua a confiar nas capacidades do jovem treinador. Contudo, a margem de manobra de Ricardo Soares tem diminuído nas últimas semanas, uma vez que os resultados tardam em aparecer e o clube continua no último lugar.

Neste contexto, o encontro com o Portimonense assume especial importância para o futuro de Ricardo Soares, que pela primeira vez iniciou uma época no comando de uma formação da 1ª Liga, depois da na temporada passada ter substituído Jorge Simão no Chaves. A equipa tarda em corresponder às expectativas em função do elevado investimento.

Autor: Bruno Freitas