O nosso website armazena cookies no seu equipamento que são utilizados para assegurar funcionalidades que lhe permitem uma melhor experiência de navegação e utilização. Ao prosseguir com a navegação está a consentir a sua utilização. Para saber mais sobre cookies ou para os desativar consulte a Politica de Cookies Cofina

Record

Assinatura Digital Premium Saiba mais

José Mota: «Depois de sofrermos o golo torna-se muito difícil»

Técnico analisa derrota em Braga

• Foto: MoveNotícias
José Mota, treinador do Aves, analisou a derrota em Braga admitindo que a equipa não entrou bem, mas falando de um jogo positivo.

"Não era o regresso desejado. Queríamos outro resultado, mas a equipa teve um excelente comportamento. É sempre difícil jogar em Braga, frente a uma boa equipa, muito bem orientada. Nos primeiros 10 minutos não estivemos ao nosso nível e conforme a estratégia que tínhamos, facilitámos a tarefa ao Braga, não fomos tão pressionantes. Depois de sofrermos o golo, torna-se muito difícil, porque o Braga gere muito bem os tempos de jogo, mas tivemos uma reação muito positiva, fomos pressionantes e conseguimos enervar o Braga, que nunca mais conseguiu ter um jogo fluído. Tivemos sinal mais, com mais posse de bola e a jogar no meio-campo do Braga. Na segunda parte, quando pensávamos dar continuidade, acontece o segundo golo. O Braga tem jogadores que aproveitam muito bem as falhas de concentração. Reagimos da forma que eu pretendia. As substituições também alteraram essa capacidade e acabámos o jogo a pressionar e a tentar um golo para tirar o Braga da sua zona de conforto. Fizemos um jogo positivo, mas temos que melhorar em muitas fases do jogo para sermos mais competitivos, mais organizados e para conseguirmos mais pontos.

Relacionadas

Futuro próximo

"Pode esperar-se um Desportivo das Aves a tentar vencer todos os jogos, seja qual for o estádio, tendo noção das nossas dificuldades, da nossa classificação. Nem sempre um conjunto de bons jogadores fazem uma boa equipa, mas vamos fazer uma boa equipa, melhorar alguns aspetos e cimentar os que estão bem. Este grupo de trabalho tem que encontrar rapidamente a alegria de jogar para conseguirmos os objetivos do Desportivo das Aves e vamos com certeza conseguir isso."

Cair em zona de despromoção pode afetar equipa?

"Somos realistas, caímos naquela posição desconfortável que ninguém gosta, é mais um desafio ao grupo de trabalho, ao treinador e a todos nós. É um desafio para campeões. Temos que encarar a realidade de frente e sentir que se continuarmos a fazer o que fizemos hoje rapidamente conseguiremos o que queremos. Que esta classificação seja passageira. Quero ainda realçar a presença de 600 adeptos do Desportivo das Aves numa terça-feira, é sinal de apoio ao grupo e agradeço a sua presença".
Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Aves

Notícias

Notícias Mais Vistas

M M