O central do Belenenses, Nuno Tomás, confessou que no duelo de domingo, às 18 horas, no qual a equipa do Restelo recebe o Tondela, "um dos dois terá de cair", referindo-se à igualdade pontual das equipas (28 pontos) e ao facto de acreditar numa vitória. O jovem, de 22 anos, que visitou ontem a Escola Secundária da Amadora juntamente com o guarda-redes Muriel, vai ficar de fora deste encontro a cumprir castigo por ter visto o quinto amarelo, mas acredita no valor dos colegas.

"Odeio ficar de fora, como todos os jogadores. Estamos numa série de três jogos sem sofrer golos e acho que não vai ser devido à minha ausência que a equipa vai ter um melhor ou pior rendimento defensivo. Confio em todos os meus colegas e vou sofrer de fora, como outros já sofreram também", admitiu. O brasileiro Cleylton ou o sueco Persson devem substituir o português no esquema de três centrais do técnico Silas e Tomás considera-os capazes. "São jogadores que trabalham muito bem todos os dias e têm competências para serem titulares. Todos têm o esquema tático bem presente e bem treinado, por isso confio nos dois", frisou, confiante.


Autor: Luís Magalhães