O Benfica boicotou o sorteio das competições organizadas pela Liga, realizado esta sexta-feira, em Matosinhos, com as ausências de Rui Vitória, Nélson Semedo e Pizzi, distinguidos como melhor treinador, revelação e melhor jogadores, assegurou a Record fonte oficial das águias.

Ederson venceu na categoria de guarda-redes, mas o brasileiro já não pertence aos encarnados, pois é reforço do Manchester City.

Mesmo que tenham sido enviadas mensagens em vídeo dos vencedores  - Semedo e Pizzi estão de férias -, os encarnados quiseram, assim, protestar com o ambiente do futebol português, assim como a inação e o silêncio do presidente da Liga, Pedro Proença.

Já durante a temporada, o Benfica visou os organismos que tutelam o futebol português, em especial o que é liderado pelo antigo árbitro. De resto, lembre-se que as águias boicotaram a Gala Quinas de Ouro da FPF, em março passado, e o encontro da Seleção com a Hungria, no Estádio da Luz.

Representando o Benfica na cerimónia, o vice-presidente Sílvio Cervan procurou não alimentar a polémica, mas sempre foi dizendo que "há entidades e instituições que têm de fazer o seu trabalho, e que o estão a fazer". Uma coisa é certa: as águias aproveitaram o sorteio para marcarem posição.

Autor: Nuno Martins