"O absurdo não merece comentários". Foi desta forma que fonte do Benfica, a Record, reagiu às acusações de Francisco J. Marques sobre um "esquema de corrupção" de árbitros encetado pelos encarnados desde 2013/14, época do primeiro título do tetracampeonato.

Recorde-se que o diretor de comunicação do FC Porto fez a denúncia tendo por base uma alegada troca de e-mails, durante a época 2013/14, entre o ex-árbitro Adão Mendes e o atual diretor de conteúdos da BTV, Pedro Guerra.