O Benfica prometeu que iria apresentar queixa contra o FC Porto, fruto da divulgação de inúmeros emails por parte de Francisco J. Marques, diretor de comunicação dos dragões, e o processo vai mesmo avançar, com as águias a reclamarem mais de 50 milhões de euros ao rival da invicta. Este é o valor com o qual o clube da Luz pretende ser ressarcido por considerar que houve crime informático no acesso à correspondência eletrónica de responsáveis benfiquistas.

Em breve, os advogados que estão a apoiar o clube da Luz neste processo irão formalizar a queixa junto das instâncias judiciais, onde se irá ficar a saber se as águias irão receber os valores pretendidos. Recorde-se que para preparar este contra-ataque, o Benfica contratou um vasto conjunto de advogados e consultores.