Rui Gomes da Silva, vice-presidente do Benfica, respondeu no 'Dia Seguinte', da SIC Notícias, a Bruno de Carvalho, que falou de pressões das águias para afastar o árbitro Hugo Miguel do Benfica-Nacional, da última jornada da Liga NOS. O dirigente encarnado lembra as ligações do juiz à 'Macron', marca que equipa os leões.

"O Hugo Miguel é do Sporting aquilo que eu não sou do Benfica. Segundo sei, ele é o representante da Macron em Portugal e no seu contrato presumo que tenha um prémio se o Sporting foi campeão, porque o Sporting ganha mais. Porque é que há esta guerra? Não percebo. Quando o Sporting foi prejudicado na Liga dos Campeões a acusação foi de que a Gazprom, patrocinadora do Zenit, queria o CSKA, por ser russo, na fase de grupos da prova. Agora o Sporting não se preocupa com Hugo Miguel? Se eu fosse Hugo Miguel seria a primeira pessoa a mostrar-me indisponível", confessou durante o programa da SIC Notícias.

Autor: José Morgado