O nosso website armazena cookies no seu equipamento que são utilizados para assegurar funcionalidades que lhe permitem uma melhor experiência de navegação e utilização. Ao prosseguir com a navegação está a consentir a sua utilização. Para saber mais sobre cookies ou para os desativar consulte a Politica de Cookies Cofina

Record

Assinatura Digital Premium Saiba mais

Jiménez no Wolverhampton por empréstimo

Com opção de compra de 35 milhões

• Foto: Pedro Ferreira

Raúl Jiménez vai prosseguir a carreira no Wolverhampton, por empréstimo do Benfica, e no contrato entre os clubes está prevista uma cláusula de opção de compra de 35 milhões de euros.

O processo negocial liderado por Jorge Mendes está concluído e o clube da Luz vai receber, automaticamente, 5 milhões de euros pela cedência. Além deste aspeto, será também o emblema recém-promovido à Premier League a suportar o salário do jogador, superior a 1 milhão de euros por época. Jorge Mendes tem uma relação estreita com o clube inglês, no qual atuam os extremos ex-Benfica Ivan Cavaleiro e Hélder Costa, e isso acabou por agilizar a transferência, que apenas deverá ser oficializada após o Mundial, onde Raúl Jiménez estará ao serviço do México.

Falta Seferovic

Com o empréstimo de Jiménez fica concluído mais um importante dossiê que a direção benfiquista tinha em mãos. Um dos objetivos neste mercado de transferências passava por encontrar uma solução para Jiménez e Seferovic, jogadores que não entram nas contas na próxima temporada. Recorde-se que já chegaram à Luz Ferreyra e Castillo, que se vão juntar a Jonas como os avançados do plantel às ordens de Rui Vitória.

Mexicano a par das negociações mesmo em estágio

Raul Jiménez encontra-se neste momento na Dinamarca, no estágio da seleção mexicana, que se prepara para participar no Mundial, mas tem acompanhado todo o processo negocial entre os clubes. O avançado, de 27 anos, teve o pai (e representante) por perto na primeira parte do estágio que se realizou nos EUA e este foi colocando-o a par do interesse do Wolverhampton, algo que o dianteiro viu com bons olhos desde o início. Jogar na Premier League era uma hipótese que o jogador gostava de concretizar, até porque vinha a ser pouco utilizado no Benfica – situação que lamentou várias vezes nos últimos meses. Desta forma, o mexicano vê confirmado um dos objetivos na carreira, dizendo adeus ao clube que representou nas últimas três épocas depois de ter chegado do Atlético Madrid a troco de cerca de 22 milhões de euros.

Por Valter Marques
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

M M