Pedro Mil-Homens, o novo responsável pelo centro de estágio do Seixal, foi um espectador atento do Basileia-Benfica, referente à Youth League. O dirigente do clube encarnado, à margem da partida, revelou o que pretende fazer num futuro próximo.

"É importante perspetivas a formação a 10 anos. Há três eixos essenciais que são o recrutamento, o rendimento e a internacionalização. O primeiro eixo é importante em todos os jogos mas fundamental no futebol. Em relação ao segundo eixo, o rendimento, creio que o centro de estágio do Seixal tem um conjunto de meios que nos permite ser mais produtivos. O terceiro eixo, a internacionalização, é um projeto já conhecido no Benfica", afirmou Pedro Mil-Homens, à BTV, onde ainda reconheceu que está a conhecer o novo ambiente de trabalho: "Estou a trabalhar há muito pouco tempo e ainda numa fase de fazer diagnósticos e conhecer pessoas. Entretanto passei uma mensagem de confiança a todos, e continuo a observar para mais tarde dar o meu cunho pessoal".

Em relação à presente edição da Youth League, o dirigente reconheceu que "é uma competição importante". "Dá outro nível de competitividade e ajuda os jogadores a crescer. O Benfica já tem história e expetativas nesta prova", acrescenta Pedro Mil-Homens que garante que o objetivo das águias é "passar a fase de grupos e chegar o mais longe possível".

Autor: João Soares Ribeiro