O Benfica sondou Rafinha, para saber quais as condições para contratar o médio do Barcelona. Trata-se, porém, de um alvo caro, cuja contratação exigiria tremendo esforço financeiro por parte da SAD.

A notícia do interesse das águias nos serviços do futebolista, de 25 anos, foi divulgada ontem pelo 'Mundo Deportivo'. O diário catalão adiantou que o Benfica avançou para Rafinha, pretendendo-o em definitivo e não emprestado. Refere ainda aquele jornal que há propostas superiores que chegaram ao clube de Camp Nou.

Filho do antigo internacional brasileiro e campeão do Mundo em 1994, Mazinho, que também o representa, Rafinha está no Barcelona desde os 13 anos, onde fez a formação. Estreou-se pela equipa principal em dezembro de 2011, sob o comando de Pep Guardiola.

A época passada, marcada por uma lesão na fase inicial, foi cedido ao Inter Milão. O clube italiano pretende manter o jogador nos seus quadros, mas o Barcelona não está disposto a esperar, uma vez que tem propostas de Inglaterra e Itália.

Integrado na preparação do campeão espanhol, Rafinha é uma contratação difícil de concretizar pelos encarnados, não só pelo salário que aufere, como pelas exigências do Barcelona. Ainda com a época 2017/18 a decorrer, o Inter tentou renegociar a compra do jogador, por considerar exagerados os 35 milhões de euros pedidos pelos catalães.

No final de junho, Mazinho, que esteve ontem incontactável, admitiu que o futuro de Rafinha pode não passar por Barcelona, ao qual está vinculado até junho de 2020. "O objetivo é começar a temporada com uma nova camisa. Não depende apenas de nós, mas também do Barcelona", afirmou o pai e empresário.


Autor: Nuno Martins