Rui Vitória confirmou o que já se esperava e "só alguma coisa fora do normal" impedirá que Paulo Lopes, Kalaica, Hermes e Pedro Pereira vão ser apostas para o último encontro da época, no reduto do Boavista, pois o técnico assume a "preocupação de fazer todo o grupo campeão nacional".

Com as contas do título já resolvidas, o treinador perspetivou a derradeira jornada do campeonato, na qual, tem mais dois objetivos traçados. 

"O primeiro é vencer, pois é essa a nossa essência, a nossa forma de estar. Não há outra visão entre quem representa este clube; sepois vamos ter uma preocupação de fazer todo este grupo campeão nacional; o terceiro objetivo é possibilitar que todos estejam em condições de poder ser escolhido para o onze da final da Taça de Portugal. Primeiro ganhar, depois fazer com que toda a gente seja campeã. Este grupo não é do treinador ou de nenhum jogador. É de muita gente e todos foram fundamentais para alcançar este título. Além disso, pretendemos possibilitar que alguns possam ter mais ritmo, estar mais preparados para a Taça de Portugal", frisou o técnico, em declarações à BTV.

Já sobre o adversário com o qual a equipa da Luz vai encerrar a época, mostra total respeito para com os axadrezados, deixando os mais rasgados elogios ao colega de profissão que no Bessa se irá sentir no banco adversário: Miguel Leal.

"Queremos acabar em beleza este campeonato. Vamos defrontar uma boa equipa, que tem feito um bom campeonato, sobretudo desde que que chegou o Miguel Leal. As coisas começaram a ser de outra maneira e a equipa encontrou o seu caminho, com princípios de jogo, mas quero ganhar", referiu, frisando que a equipa ainda não tem a cabeça no Jamor: "Não estamos a preparar dois jogos, estamos só preparar o jogo com o Boavista, sabendo que o adversário tem virtudes e, eventualmente, defeitos. Vamos com vontade muito grande de terminar ganhando, fazendo uma boa exibição e só depois pensamos na final. Vai ser difícil. O Boavista foi melhorando jogo após jogo. Ficaram tranquilos na classificação desde cedo, o principal objetivo e isso é mérito de quem lá está".



Autor: Valter Marques