À boa fase do Estoril no mês passado, com três vitórias consecutivas, seguiram-se três derrotas, resultados que voltaram a empurrar os canarinhos para perto da zona de descida. A vontade de sair definitivamente dessa posição faz Ewandro apontar todas as forças para a receção ao Sp. Braga.

"Podemos e queremos dar uma boa resposta e voltar a surpreender contra o SC Braga. Já surpreendemos este ano o Sporting e agora queremos repetir e sair daqui com um bom resultado. O próximo jogo é sempre para vencer independentemente do adversário. Vamos entrar com o coração na ponta da chuteira", disse o brasileiro ao site do clube.

Chegado à Amoreira no mercado de inverno, cedido pela Udinese, o extremo de 21 anos começa a conhecer a Liga portuguesa, que considera muito competitiva. Assim, após cinco jogos de amarelo, Ewandro já estabeleceu uma meta: "Fazendo 14 jogos gostava de marcar pelo menos seis golos, mas antes de tudo vim para ajudar o Estoril e para ter um grande desempenho."

O brasileiro já marcou uma vez, no triunfo sobre o Sporting, um golo especial. "É sempre bom marcar, seja contra quem for, porque sendo avançado quero sempre marcar e ajudar. No caso, tendo marcado ao Sporting, o que muda é que sendo contra uma equipa que luta para ganhar o campeonato acabou por ter mais visibilidade".

Ewandro acredita que a equipa vai voltar a pontuar, referindo que frente ao Belenenses e ao Chaves faltou acerto em frente à baliza. "Tivemos atitude, pressionamos, criamos oportunidades mas faltou a concretização" concluiu o atacante brasileiro.

O plantel do Estoril treina-se esta manhã, com portas fechadas.


Autor: Miguel Amaro