Miguel Layún deu uma entrevista ao canal Fox Sports, onde assumiu ter passado momentos difíceis na primeira metade da época. O defesa, de 29 anos, queria sair para jogar com regularidade, tendo em vista a presença no Mundial, e mostrou-se agradecido a Pinto da Costa e Sérgio Conceição pela compreensão.

"Em duas conversas, o presidente e o treinador ouviram-me e compreenderam a minha situação. No final, esta mudança foi favorável para todos, já que não estava emocionalmente bem para dar o máximo, e são poucas as vezes que encontras no futebol pessoas deste nível, que te apoiam para sair de um momento desses. Ouvi as necessidades deles e eles ouviram as minhas e chegámos a um bom acordo", referiu o mexicano, reforçando a ideia de que o facto de jogar pouco foi determinante na mudança de ares: "Procurei uma nova aventura para lutar pelos meus ideais."