O Santos estará pronto a avançar para a FIFA para reclamar o pagamento de verbas devidas pelo FC Porto referentes à transferência do lateral brasileiro Danilo para o Real Madrid, de acordo com informações avançadas pelo portal Globoesporte.

Segundo aquela publicação, o Peixe alega não ter recebido a sua parcela referente aos direitos de formação do lateral, mas também os 10% de uma mais valia que os dragões se terão comprometido a pagar. Ao todo, o Santos reclama o pagamento de 1,7 milhões de euros. Uma verba que terão tentado desbloquear recentemente, quando o presidente do clube brasileiro esteve em Portugal, mas essa visita acabou por não gerar fumo branco nessa matéria.

Agora, escreve o Globoesporte, o emblema presidido por Modesto Roma terá esgotado a paciência, depois de ter visto chamadas não serem atendidas e e-mails não respondidos, preparando-se para recorrer ao organismo que rege o futebol internacional para garantir a verba que entendem ser do seu direito.

Recorde-se que Danilo foi contratado pelo FC Porto ao Santos a troco de 13 milhões de euros, tendo os dragões posteriormente transacionado o lateral por 31,5 milhões.

Autor: Fábio Lima