O momento não é o melhor, como é natural ao fim de quatro derrotas consecutivas no campeonato, mas Nuno Manta pode dormir descansado nos próximos tempos. Ao contrário de outros clubes, que aproveitam a pausa do calendário devido às seleções para operarem mudanças ao nível técnico, o treinador do Feirense está perfeitamente seguro e não é intenção da SAD mexer o que quer que seja, mantendo a aposta no jovem técnico, dado o capital de confiança acumulado em alguém que, recorde-se, pegou na equipa há sensivelmente um ano, garantindo uma época tranquila e um contrato de dois anos, numa clara aposta de futuro.

Com um registo inicial que deixava antever mais uma temporada de sucesso, Nuno Manta chegou à jornada cinco, na receção ao Sporting, com oito pontos, mas a equipa quebrou desde aí e já não ganha há mais de um mês, quando saiu de Chaves com o triunfo por 2-0 a 26 de agosto.

O momento é de tristeza, mas "nunca de baixar os braços", não estando sequer em equação a "situação da equipa técnica que está perfeitamente estável", segundo confidenciou a Record uma fonte do clube.


Autor: António Mendes