Autor do golo que valeu o empate ao Marítimo do Benfica, Ricardo Valente enalteceu a boa resposta dada pela equipa insular ante o tetracampeão nacional, ainda que admita ter ficado algo surpreendido pela entrada forte dos encarnados.

"Demos uma boa resposta, mas há que dar mérito ao Benfica pela entrada forte que teve. Já estávamos à espera disso, mas há que dar mérito, pois até nos surpreenderam um pouco. Ganharam as segundas bolas, algo que até costumámos ser fortes. Entraram melhor, fizeram o golo, mas fomos seguindo a nossa estratégia e sabíamos que o Benfica iria expor-se. Tínhamos de fazer o que estava previsto, que era sair em contra-ataque e acabámos por ter uma oportunidade e continuámos invictos em casa", começou por dizer.

Em casa, o Marítimo não perde há mais de um ano, um registo que no entender de Ricardo Valente ajuda a impor um certo respeito. "Os adversários têm respeito, pois sabem que aqui não é um campo fácil. O apoio dos nossos adeptos é prova disso mesmo. Quero aproveitar para agradecer a enorme casa que proporcionaram", disse.

Diante do Benfica, os insulares viram-se numa pouco vista situação de estar a perder em casa, mas Valente garante que esse facto não abalou a equipa comandada por Daniel Ramos. "Costumámos entrar sempre mais fortes e marcar na primeira parte, mas mesmo assim hoje foi a prova de que a equipa é unida, humilde, que trabalha e até poderíamos ter ganho, apesar de o Benfica ter feito um jogo muito bem conseguido", elogiou.

Autor: Fábio Lima