O treinador do Moreirense disse este domingo que o objetivo na deslocação de domingo a Tondela, em jogo da 21.ª jornada da Liga NOS, são os três pontos, vendo cada partida como "uma final".

"Vamos tentar um resultado positivo. O ideal são os três pontos, esse é o objetivo. Estamos num momento em que temos de encarar cada jogo como uma final, sobretudo com adversários diretos. O Tondela também luta por objetivos semelhantes aos nossos", disse Sérgio Vieira, na conferência de imprensa de antevisão à partida.

O Moreirense segue na 15.ª posição, com 16 pontos, apenas mais um do que o primeiro classificado abaixo da linha de água, o Estoril, enquanto o Tondela é 10.º, com 22.

Na última jornada, os cónegos empataram a zero em casa com o FC Porto, tendo sido este o primeiro jogo do Moreirense na 'era' Sérgio Vieira - que domingo completa três meses à frente da equipa técnica minhota - sem sofrer golos, um registo que o treinador quer manter.

"É um registo para o futuro. Temos de ter organização defensiva e solidariedade. O objetivo é não sofrer golos e em algum momento marcar pelo menos um para ganhar o jogo. Os jogadores estão motivados e focados", disse o treinador.

Sérgio Vieira prometeu "atitude positiva" na abordagem ao confronto com o Tondela e desvalorizou a ideia de que o empate com os portistas faça os adversários respeitar mais o Moreirense, mas admitiu que de "todos os jogos saem alertas para os outros clubes".

Questionado sobre a consolidação dos três meses de trabalho, o técnico disse que "cada equipa tem as suas características", pelo que "não é possível pedir um Moreirense a jogar como um Manchester City ou um Benfica, mas o conhecimento vai aumentando ao longo do tempo".

"Queremos o objetivo (de manutenção) e se não o conseguirmos pela qualidade da posse de bola ou por melhores transições, temos de arranjar forma de conseguir, seja com bolas paradas ou outra maneira", sintetizou Sérgio Vieira.

Moreirense e Tondela jogam no domingo, pelas 16 horas, no estádio João Cardoso, em Tondela.

Autor: Lusa