Vasco Seabra tem a sua continuidade no P. Ferreira em risco. As exibições pouco convincentes da equipa e o fraco rendimento nos encontros já realizados têm desagradado à estrutura da SDUQ, presidida por Rui Seabra, e a solução poderá mesmo passar pela mudança de treinador, de 34 anos.

O P. Ferreira soma apenas duas vitórias em nove encontros oficiais já realizados, sendo que apenas uma foi alcançada no campeonato português. O clube começou a época a vencer em Arouca para a Taça CTT e nos oito encontros seguintes levou a melhor apenas sobre o V. Setúbal, em jogo da Liga NOS. Recentemente o P. Ferreira também foi derrotado pelo Leixões, na Taça CTT, e pelo Benfica, já nesta jornada do campeonato.

Face a este contexto de grandes dificuldades, cresce a insatisfação entre os responsáveis da SDUQ, mas também entre os apoiantes dos castores, que têm recorrido às redes sociais para criticar as opções de Vasco Seabra e pedir a sua saída do comando técnico.

Tudo indica que o próximo encontro do campeonato nacional, diante de uma equipa de aspirações semelhantes como é o Moreirense, seja o derradeiro teste à capacidade reativa do treinador para tentar levar os seus jogadores para outros patamares exibicionais e apresentar um futebol que consiga convencer todo o universo pacense. Depois da próxima jornada há Taça CTT e paragem das competições, o que poderá ser visto como o momento ideal para mudar de treinador...

Esperança por Pedrinho

Entretanto, o Paços inicia esta manhã os trabalhos de preparação para a receção ao Moreirense e a prioridade passa por recuperar Pedrinho a tempo de poder regressar às opções. O médio é um jogador indispensável e já não defrontou o Benfica devido a problemas físicos. Quiñones é outro caso clínico que pode igualmente recuperar a tempo.

Autor: José Santos