João Henriques delineou uma estratégia para o encontro deste domingo com o Moreirense (derrota por 2-0) que os jogadores não conseguiram colocar em prática. O treinador avisa que não há muita margem para falhar, até porque "os pontos não vão cair do céu". 

"O Paços hoje não operacionalizou as palavras que eu disse na antevisão. Queríamos ser uma equipa agressiva com e sem bola e não fomos. Não foi isso que planeámos para essa partida. O Paços não materializou, principalmente na primeira parte, o que trabalhámos. Na segunda parte fomos um bocadinho melhores, mas inexplicavelmente não conseguimos."

"Aquilo que nós trabalhamos e fazemos mostra que vamos estar mais presentes no jogo, porque já o fizemos. Nas sete jornadas que estou no Paços houve intermitência. E nós queremos estabilidade." 

"Jogadores e equipa técnica temos de estar conscientes que perdemos mais uma guerra, mas isto não define a classificação final no fim da época. Mas estamos a desperdiçar oportunidades. Os pontos não nos vão cair do céu e ninguém nos vai dar nada. Temos de mudar radicalmente para que os pontos surjam."

Autor: Lusa