A época 2017/18 ainda vai a meio, mas já está assinalada por um recorde: nunca o Portimonense tinha encaixado tanto dinheiro em transações de passes de jogadores.

Lumor ingressou no Sporting a troco de 2,5 milhões de euros por 50 por cento do passe e a Portimão poderá chegar ainda mais dinheiro se os leões exercerem a opção prevista para a compra de mais 30 por cento. Já Paulinho rumou ao FC Porto por empréstimo (o valor não foi divulgado), com uma opção de compra obrigatória de 5 milhões de euros no final da temporada. Ou seja, no mínimo, 7,5 milhões já estão garantidos. O anterior recorde datava da época passada, quando Simy foi vendido ao Crotone, de Itália, e Fabrício emprestado ao Kashima Antlers, do Japão, com os cofres do Portimonense a receberem pouco mais de um milhão de euros.

Os últimos reforços, Rafa Soares (lateral-esquerdo, ex-Fulham) e André Clóvis (avançado, ex-Internacional de Porto Alegre), já trabalham sob as ordens de Vítor Oliveira e serão hoje apresentados oficialmente.


Autor: Armando Alves