O jogo desta segunda-feira entre o Marítimo e o Portimonense proporciona ao guarda-redes Ricardo Ferreira o regresso "a um lugar especial", pois representou durante três épocas os madeirenses, antes de ingressar na formação algarvia.

"Guardo boas recordações da Madeira e fui lá feliz, mas já levo cinco anos de Portimonense, os últimos marcados por grandes conquistas e por momentos de enorme alegria, e além do mais sou profissional e quero sempre que a minha equipa ganhe", refere Ricardo Ferreira, apontando "à conquista de pontos" com o grande objetivo do Portimonense no Funchal.

"O Caldeirão é um estádio tradicionalmente difícil e o Marítimo tem uma excelente equipa, apesar de uma série de resultados negativos. Vão entrar com tudo à procura de uma vitória e temos de estar preparados para isso", assinala o guarda-redes.

O triunfo do Portimonense frente ao Rio Ave "quebrou um já longo ciclo sem vitórias e veio trazer mais confiança ao grupo, pelo que temos todos os motivos para acreditar num desempenho positivo na Madeira".

Com o mercado de inverno fechado, Ricardo Ferreira vê "muita qualidade" nos reforços assegurados pelo Portimonense.

"Os jogadores que saíram eram importantes e por isso suscitaram a cobiça que os levou a partir mas os que cá ficaram também possuem enorme valia e por vezes a oportunidade para a afirmação deste ou daquele futebolista ocorre nestas situações... Além disso, chegou gente nova, também com muito talento, importantes mais-valias, causando seguramente sérios problemas ao treinador na hora de tomar as suas opções".

Autor: Armando Alves