Miguel Cardoso, treinador do Rio Ave, comentou a derrota deste domingo em Setúbal, admitindo que os vila-condenses podiam ter feito melhor.

"Não estivemos ao nosso melhor nível na primeira parte. Não foi muito bem jogado esse período. Não conseguimos jogar o que queríamos, há mérito do Vitória e algum demérito nosso porque não fomos competentes para nos afirmarmos. Não fomos capazes de levar a bola ao lado contrário, foi um jogo acelerado, mas sem a capacidade de guardar a bola. Perdemo-la muito rapidamente. Errámos muito com perdas de bola consecutivas. Não fomos suficientemente inteligentes a aplicar o plano que o jogo pedia. Podíamos ter feito bem melhor.

As substituições tiveram como intuito ganhar profundidade. O Vitória manteve a sua linha defensiva subida e tentámos explorar o espaço nas suas costas. Procurámos dar largura ao jogo. Somos penalizados por um golo fortuito que é resultado da nossa incapacidade de tirar a bola da área. Tentámos tudo para chegar ao golo, conseguimos criar oportunidades, mas não fomos contundentes. O Vitória teve competência a defender. Não somos uma equipa de jogo direto. A equipa esteve muito impacientes e precipitada."

Autor: Lusa