Record

Assinatura Digital Premium Saiba mais

Vukcevic no Levante rende 8 milhões ao Sp. Braga

Encaixe significativo para os bracarenses com a transferência

• Foto: Ricardo Nascimento

António Salvador só ultimou os pormenores quando a comitiva bracarense aterrou na Ucrânia, já ao fim da tarde, mas de manhã o líder da SAD já sabia que o fim do caso de Vukcevic estava por horas. O médio montenegrino, de 26 anos, vai prosseguir a carreira nos espanhóis do Levante, num negócio que envolve o encaixe de cerca de 8 milhões de euros nos cofres da SAD minhota, longe dos 15 milhões de euros da cláusula de rescisão, mas dentro do que Salvador tinha estipulado, sendo que o presidente dos minhotos começou por exigir 10 milhões. Seja como for, problema resolvido e com um bom proveito, partindo do princípio que o Sp. Braga pagou 125 mil euros quando foi buscar Vukcevic ao Buducnost, no verão de 2013.

"Até ao momento não apareceu nenhuma proposta que satisfizesse a pretensão do Sp. Braga. Se até ao dia 31 de agosto houver o Sp. Braga estará cá para discutir com o jogador. Em função da probabilidade de poder sair, o nosso treinador entendeu que não era o momento, talvez por uma questão mais de trabalho mental, e decidiu deixá-lo ficar", vincou Salvador sobre Vukcevic ainda de manhã, destacando que o Sp. Braga "é um clube que cumpriu religiosamente com o Vukcevic".

Sem problema

"Não há questão nenhuma com o Vuk, nesta situação de jogadores e clube há sempre obrigações das duas partes e o Sp. Braga cumpriu sempre com ele. Os jogadores também têm obrigações e uma delas são os valores, um dos quais é saber respeitar. E o Vuk no jogo com o Newcastle não respeitou os valores do nosso clube, que é cumprimentar os nossos adeptos. Foi penalizado, foi multado, unicamente só isso. Não houve mais nada, se fosse teria um processo disciplinar e não o tem", disse ainda o líder da SAD, levantando o véu sobre o que sucedeu com o jogador, mas negando que o médio se tenha recusado a treinar.

De resto, para além de Vukcevic e Hassan, que também está no mercado e a caminho dos gregos do Olympiacos, António Salvador diz que "todos os outros jogadores do plantel são inegociáveis", pelo que só sairão pelo valor da cláusula de rescisão.

Por António Mendes
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sp. Braga

Reentra Claudemir

Brasileiro é a solução imediata para o meio-campo na ausência de João Palhinha
Notícias

Notícias Mais Vistas

M M