Jorge Jesus criticou a expulsão de Petrovic - viu segundo amarelo na segunda parte -, nomeadamente a decisão do quarto árbitro de transmitir ao juiz principal Tiago Martins a informação de que o médio devia ser admoestado.

"Foi injusta. Este quatro árbitro, José de Almeida, mandou o árbitro expulsar o Petrovic, a dizer que era jogada de amarelo. Se virem as imagens, o Petrovic não toca no Tozé. Um lance de dúvida… era o momento certo para o Sporting ficar com menos um e ter mais dificuldades. Mas estes jogadores foram uns autênticos leões e mereceram que os ovacionassem e não assobiassem", disse o treinador do Sporting à Sport TV.

Petrovic viu segundo amarelo polémico e foi expulso

Petrovic viu segundo amarelo polémico e foi expulso