O Sporting viaja na próxima semana até Turim para defrontar a Juventus em mais uma jornada do Grupo D da Liga dos Campeões (quarta-feira, 19H45) e Cristiano Piccini está confiante num bom resultado após a derrota com o Barcelona na ronda anterior da Champions.

"Sinto que podemos vencê-los. Não devemos ter medo de ninguém. São grandes equipas, mas também estamos na Liga dos Campeões porque somos dos melhores da Europa, algo que queremos demonstrar em todos os jogos. Temos tudo para passar à próxima fase de Champions", afirmou o lateral-direito em entrevista publicada no jornal 'Sporting' esta quinta-feira.

A Liga NOS está, obviamente, na mira do italiano que garante que os leões vão "dar tudo" o que têm para serem campeões. "Estamos bem e a trabalhar todos os dias para melhorarmos. Ainda faltam muitos jogos e estamos tranquilos com o que temos vindo a fazer. Confiamos na potencialidade e nas qualidades da equipa (...). Creio que não chega sonhar, temos de fazê-lo. O clube e os adeptos merecem ser campeões depois de tanto tempo sem ganhar o título", sublinhou.

Antes de dar o 'sim' ao Sporting, Piccini foi sondado por outros emblemas, mas o ex-jogador do Betis não hesitou em rumar a Alvalade. "Quando o meu agente me disse que o Sporting e o mister Jorge Jesus estavam interessados em mim, não tive dúvidas na minha decisão. Passar do Betis para o Sporting foi um upgrade. Um passo mais alto na carreira. Em Sevilha, apenas pensávamos em não perder e aqui, em Alvalade, queremos ganhar sempre. Até nos treinos", concluiu.