O treinador do Lusitano de Évora, Duarte Machado, disse esta quinta-feira esperar grandes dificuldades diante do FC Porto, mas acredita que pode seguir em frente na Taça de Portugal, numa noite "muito má" dos dragões e brilhante dos eborenses.

Em conferência de imprensa de antevisão ao jogo da terceira eliminatória, Duarte Machado realçou as diferenças competitivas entre as duas equipas, até porque o Lusitano joga na divisão de elite dos campeonatos distritais de Évora e o FC Porto na Liga NOS e Liga dos Campeões.

"Veremos amanhã [sexta-feira] como nos vamos apresentar, principalmente nas questões emocionais. Se perdermos, nunca mais se vai continuar a falar do Lusitano de Évora. Se ganharmos, então, sim, continuar-se-á a falar. O FC Porto é uma equipa que dá muito pouco espaço. A nossa estratégia é fazer com que não marquem nos minutos iniciais e depois é tentar fazer alguma graça", afirmou.

É precisamente pegando nesta "graça" que Duarte Machado quer unir o grupo em torno de um objetivo comum: seguir em frente na Taça de Portugal. Algo difícil, dado os argumentos das duas equipas, mas não impossível.

"Ninguém é derrotado à partida. É possível derrotar o FC Porto, numa tarde muito, muito má do FC Porto e uma tarde brilhante nossa. Temos um grupo ambicioso e coeso. Há que desfrutar do jogo", salientou.

A partida da 3.ª eliminatória da Taça de Portugal está marcada para as 20H15 desta sexta-feira, no Estádio do Restelo.

Autor: Lusa