Meia hora depois de Pedro Matos receber a Taça de Honra de Lisboa dos homens, entraram em campo as senhoras. Nessa altura já o pavilhão tinha menos gente – as claques tinham abandonado –, mas quem ficou para ver a final feminina não deve sentir-se arrependido. As meninas deram um bom espetáculo, valeu a pena.

O Benfica, campeão nacional, foi melhor e mostrou superioridade desde o início. Na 1ª parte, as encarnadas remataram o dobro das leoas, com seis tiros, só dois fora do alvo, e permitiram à guarda-redes Naty destacar-se. O Sporting acertou uma vez na baliza. No início da 2ª parte, o Benfica resolveu o jogo em apenas um minuto. Primeiro, Janice assistiu Sara Ferreira para um belo golo de calcanhar. A seguir, a marcadora devolveu o passe para Janice: 2-0.

O Sporting reagiu e tentou reduzir, mas só marcou uma vez, por Catarina Pinheiro, pois a barra e a guardiã Ana Catarina – grande exibição – negaram o empate.