Pouco depois do final do Portugal-Bélgica, Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República, deslocou-se ao balneário da equipa dirigida por Fernando Santos, onde aproveitou para felicitar os jogadores pelo triunfo, abraçando, um a um, todos os elementos presentes.

Ao que Record conseguiu apurar, o Chefe de Estado foi a pessoa sorridente e bem-disposta que sempre aparece em público. Mas acabou por, de alguma forma, intimidar os jogadores, que ficaram em silêncio quase o tempo todo. Os craques sentiram enorme honra e orgulho ao partilharem esse momento com Marcelo Rebelo de Sousa.


Autor: Sérgio Krithinas