Ausente dos convocados de Fernando Santos, Pizzi foi esta terça-feira recrutado para atender chamadas no centro que recebe os donativos para a campanha solidária que a FPF iniciou, em prol das vítimas dos incêndios, localizado na Cidade do Futebol.

O médio diz-se satisfeito por ter assumido esta função e deixou o apelo para que mais pessoas se associem. "É bastante importante estarmos aqui a trabalhar para a solidariedade, para todas as pessoas afetadas, para que todos tenham condições melhores. É com orgulho que estou aqui para ajudar em tudo o que consiga", declarou o médio do Benfica.

A tragédia deste verão, que tirou a vida a dezenas de pessoas e deixou centenas sem casa, afetou os jogadores de futebol, assim como todos os portugueses, segundo Pizzi. "[Afetou] Não só os jogadores, mas todos os portugueses sentem tudo de uma maneira muito forte. Foi uma grande tragédia e é importante, todos juntos, conseguirmos ajudar Portugal a renascer", explicou o internacional português, que se assume apenas como "mais uma pessoa a ajudar neste Portugal solidário".

Autor: Fábio Lima