Foi preciso sofrer, mas Portugal está no Europeu de sub-19, prova que se vai disputar na Geórgia entre 2 e 15 de julho. Para fazer a festa, a equipa orientada por Hélio Sousa teve de superar a Polónia (3-1), em Barcelos, num duelo em que até esteve a perder, e ainda beneficiou da 'ajuda' da Croácia no outro embate do Grupo 4. Mas já lá vamos.

Com todas as equipas a partirem para a última jornada com três pontos - só passava o primeiro -, a Polónia colocou-se em vantagem aos 29', por intermédio de Listkowski, mas Rui Pedro respondeu aos 39'. O golo da reviravolta demorou a chegar mas, após um canto cobrado por João Filipe, Diogo Queirós desfez a igualdade (75'). A vitória só ficaria fechada aos 82', com o bis de Rui Pedro.

No entanto, Portugal não dependia apenas de si para garantir uma vaga na fase final. Era preciso que a Turquia não levasse a melhor frente à Croácia, algo que acabou por acontecer, com um nulo em Paços de Ferreira. Semper, guardião dos croatas, até foi expulso aos 26', mas a formação turca não conseguiu chegar à vitória e ficou pelo caminho.

Recorde-se que esta equipa de Portugal é composta, em grande parte, por campeões europeus de sub-17.

Como Portugal alinhou: Diogo Costa; Diogo Dalot, Diogo Queirós, João Queirós  e Abdu Conté; Rui Pires, Miguel Luís (José Gomes, 75') e Gedson Fernandes; Mesaque Dju (Bruno Paz, 84'), Rafael Leão (João Filipe, 62') e Rui Pedro.

Autor: Pedro Gonçalo Pinto