Paulo Futre é um privilegiado. Um dos mais marcantes jogadores do futebol nacional, que passou tanto pelo Benfica como pelo Sporting , já teve nas mãos o ‘Monopoly Record’ e garante "estar curioso" para o que aí vem. "Vou estar dos dois lados e, pelo que vi, as ruas vão ter o nome dos jogadores", atira o craque, que não escondeu o fascínio por um jogo com história e que vai ter esta edição personalizada para os grandes de Lisboa. "Foi um dos passatempos da minha infância! Mais tarde, joguei até os meus filhos terem 15 anos. Há 10 anos que não passava umas horas agradáveis com o Monopólio", aponta, mostrando-se satisfeito por o jogo também ajudar os adeptos a conhecerem as grandes figuras dos respetivos emblemas.

Neste incrível jogo pode comprar e vender propriedades com o nome das principais figuras da história de Benfica e Sporting

O leitor terá de optar por um dos clubes na 1.ª e 2.ª entregas.

Caso pretenda ter ambas as caixas e tabuleiros, deverá comprar dois exemplares nesses dias. Por outro lado, as entregas 3, 5, 23, 26 e 29 são compostas por elementos de ambos os clubes, mas, se quiser completar os dois jogos, terá de adquirir dois jornais nas restantes entregas

Paulo Futre e o Monopólio Record: «Eu vou estar dos dois lados»

Paulo Futre e o Monopólio Record: «Eu vou estar dos dois lados»