A seleção moçambicana, orientada pelo português Abel Xavier, vai tentar vencer pela primeira vez a Zâmbia, num jogo marcado para sábado, em Ndola, cidade zambiana. Os Mambas treinam já no país vizinho, cuja seleção defrontam na primeira jornada do grupo K de qualificação para a Taça das Nações Africanas (CAN) de 2019, nos Camarões.

A Zâmbia já ganhou uma vez a CAN e está acostumada a chegar à fase final.

Na conferência de imprensa em que anunciou a convocatória do combinado nacional, o selecionador moçambicano, o português Abel Xavier, reconheceu o poderio dos Xipolopolo, mas não escondeu a ambição de vencer o jogo.

"Temos muita informação por parte do adversário, individual e coletiva, é um adversário forte, mas nós também somos fortes", afirmou Xavier.

Salientando que o passado não foi feliz para os Mambas nos confrontos com a Zâmbia, o selecionador moçambicano afirmou que a partida do dia 10 será uma oportunidade para os jogadores lutarem por um resultado satisfatório.

"O mais importante é que os meus jogadores têm que sentir que quando nós estamos perante um adversário que nos causou problemas, é uma questão de ter uma nova oportunidade", acrescentou.

O grupo K de qualificação para a CAN 2019 integra ainda a Guiné-Bissau e a Namíbia, que jogam entre si na primeira jornada.

Autor: Lusa