A marca portuguesa em Andorra estende-se... à própria seleção do país. São vários os jogadores federados que ora têm raízes em Portugal, ora mesmo ostentam a nacionalidade portuguesa.

Puxando a cassete atrás, mais propriamente ao jogo de Aveiro ainda em 2016, há dois portugueses que se ‘voltaram contra a pátria’. Márcio Vieira alinhou os 90 minutos por Andorra nos 6-0 sofridos aos pés de Portugal. O futebolista nascido no Marco de Canaveses partilhou o sentimento com Victor Moreira, conterrâneo e também internacional por Andorra, que entrou na partida diante da Seleção Nacional. Diego Marinho e Adrián Rodrigues são outros dois jogadores que têm raízes portugueses, mas optaram por defender as cores de Andorra.