Em jogos decisivos, não há forma de tirar o pé do acelerador. Quem o assegura é José Fonte que, na antevisão do encontro com Andorra (sábado, 19H45) sublinhou que não haverá poupanças mesmo sabendo que há jogadores em risco para a derradeira partida de qualificação para o Mundial'2018 com a Suíça caso vejam cartão amarelo.

"Temos que jogar sempre de acordo com os nossos princípios. Não podemos pensar em amarelos ou em tirar o pé. É impossível. Temos de ter a noção de que, se jogarmos, não podemos dar azo ao árbitro para nos dar um amarelo estúpido. Temos de fazer o nosso jogo, jogar como sempre jogámos e, se assim for, não haverá problemas. O importante é não reagir, não ter atitudes que levem a um amarelo estúpido", assumiu esta quarta-feira em conferência de imprensa.