Alan Ruschel, um dos três sobreviventes do acidente aéreo que a 29 de novembro de 2016 vitimou a esmagadora maioria dos jogadores e equipa técnica da Chapecoense, pode voltar a pisar um relvado, em jogos oficiais, este domingo, em São Paulo, diante do Palmeiras.

O lateral esquerdo, de 27 anos, que até já participou em algumas partidas de preparação, garante estar em boas condições física e não esconde que irá emocionar-se quando voltar a jogar, mais de oito meses depois do trágico acidente a que sobreviveu... por milagre.

"Lembro-me realmente do dia em que me estreei como profissionar pelo Juventude, em 2008. Foi num jogo do Campeonato Gaúcho, contra o Bagé. Lembro-me de tudo, porque foi a realização de um sonho, não tem como esquecer", assumiu Ruschel, citado pela 'ESPN Brasil', antes de estabelecer um paralelo entre esse momento e a situação atual.

"No dia em que voltar a jogar também vai se um dia histórico, porque estarei a realizar um sonho pela segunda vez. Para mim, vai ser um momento único, marcante, um momento ímpar na minha vida, que vai ficar guardado para sempre", acrescentou o defensor da Chapecoense, antes de falar da sua condição física na atualidade.

"Fisicamente, estou bem, o que me falta realmente é uma sequência de jogos para poder voltar a atuar em alto nível", concluiu Alan Ruschel.

Autor: João Lopes