Record

Assinatura Digital Premium Saiba mais

Arturo Vidal explica por que tatuou uma bomba de insulina no corpo

Jogador chileno conta ainda que senão fosse futebolista teria sido... jóquei

Arturo Vidal deu uma entrevista ao canal do Barcelona, em que explica algumas das suas paixões. O chileno que os catalães contrataram ao Bayern Munique neste defeso é adepto de tatuagens e conta que cada uma delas tem um significado especial.

"Fiz a minha primeira tatuagem aos 20 anos, o rosto de minha mãe. Depois começaram a nascer meus filhos. Cada tatuagem tem um sentimento, são coisas que se passaram na minha vida, o nome dos meus irmãos... Tenho tudo no meu corpo. Não sei quantas tenho, são muitas", contou o avançado.

A última que fez foi uma bomba de insulina. "O meu filho Alonso sofre de diabetes tipo 1. Ele queria que eu fizesse uma tatuagem e assim fiz."

Outra das paixões do jogador é os cavalos. "São a minha segunda maior paixão. Fui criado com meu pai num bairro em que havia cavalos. O meus tios tinham. Via como corriam, o que faziam... Se não fosse jogador de futebol, gostaria de ter sido jóquei."
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

M M