Um dia depois de ter punido o Manchester City com uma multa no valor de 35 mil libras (cerca de 41 mil euros) por infringir o regulamento antidoping, a federação inglesa visou agora o Bournemouth, que confirmou ter sido notificado da mesma acusação.

Em causa está o facto de não ter sido cumprida a obrigação de facultar, "de forma precisa", a localização dos treinos e da residência dos jogadores, de forma a que possam ser realizados os controlos antidoping em qualquer altura.

O Bournemouth tem agora até dia 23 para responder à notificação ou fazer o mesmo que os citizens, que não contestaram as acusações e acabaram por ser condenados à referida multa na passada quinta-feira.