José Mourinho explicou a aposta em Matic e Lukaku no encontro deste domingo diante do West Ham, ao contrário de Victor Lindelöf, que não foi a jogo.

"Primeiro que tudo, os dois são jogadores de topo. Depois, já têm anos e anos de Premier League, portanto não é nada de novo para eles. Só o clube e os colegas, mas nem o treinador, porque já trabalharam comigo antes. Creio que mostraram claramente estabilidade, que por exemplo o Victor não tem neste momento, porque acabou de chegar de um ambiente completamente diferente", referiu Mourinho no final da partida.

O técnico disse depois que a estrutura do Manchester United está este ano muito mais organizada "a todos os níveis": "Portanto vamos tentar conquistar o título. Vamos tentar dar luta às equipas de topo na Liga dos Campeões. E tenho sempre respeito e desejo fazer uma boa campanha nas taças nacionais, gosto sempre de ir às finais".
Por fim, o treinador lembrou que ainda faltam jogadores no grupo de trabalho atual e mostrou-se, por isso, tranquilo: "Temos uma boa equipa e ainda há jogadores que vão chegar mais tarde: Ashley Young, Luke Shaw, Marcos Rojo, talvez Zlatan. Podem funcionar como se fossem novos jogadores durante a temporada, por isso estamos bem".

Autor: Luís Miroto Simões