O treinador do Manchester United, José Mourinho, destacou o ambiente de Anfield mas não quer que a tradição e rivalidade que existe em torno dos jogos frente ao Liverpool afete os seus jogadores no clássico de sábado (12h30) referente à 8.ª jornada da Premier League, numa altura da temporada em que os red devils lideram a classificação a par do Machester City, com mais sete pontos do que os reds.

"Trata-se apenas de mais um jogo. Pode ser o primeiro, o oitavo, o nono ou o último - e se fosse o último, talvez que decidisse alguma coisa importante, mas estamos em outubro, pelo que para mim é apenas mais um jogo", começou por dizer o treinador português, em conferência de imprensa nesta sexta-feira, justificando a abordagem ao clássico:

"Compreendo a tradição e a emoção que toma conta dos adeptos, mas olho para o jogo de forma profissional. Desde o início da temporada que tenho vindo a dizer aos meus jogadoers que todos os jogos são importantes, que nenhum deles é fácil e que não há uns que são mais fáceis de preparar do que outros. Por isso, se implemento esta mentalidade não é agora que vou dizer que este tem mais importância face a outros."

Mourinho explicou depois o que significa para si e para os jogadores jogar em Anfield em resposta a um jornalista que colocou em destaque o forte apoio que os adeptos dão à equipa da casa: "Acho sempre muita piada quando as pessoas começam a falar de grandes ambientes e até fica a ideia de que nós não gostamos, ou temos problemas em ir jogar a uma certo estádio onde enfrentamos um dessdes grandes ambientes. Mas isso é o que nós mais queremos."

"Fico surpreendido que que vocês falem disso de maneira negativa. Fico surpreendido também quando ouço tipos que foram grandes jogadores falarem destes ambientes como se fosse algo sinistro. Não, é algo que nos motiva, quem nos dera que fosse assim em todos os jogos", prosseguiu Mourinho, encerrando o tema:

"Acham que os jogadores estavam contentes quando o Barcelona defrontou o Las Palmas num estádio de bancadas vazias? Neste caso estamos a falar de Old Trafford e Anfield como se fosse um grande problema, quando se trata sim de enorme satisfação. É o que queremos. Nunca vi um jogador queixar-se de que este ambiente é muito pesado. Quando jogamos fora e não vemos um grande entusiasmo nas bancadas, queixamo-nos."

Outra ideia que Mourinho fez questão de corrigir nesta conferência de imprensa foi a de que a equipa que lidera tem um estilo de jogo defensivo. Um jornalista perguntou ao treinador do Manchester United se a motivação proveniente das boas exibições e da liderança do campeonato poderia levar a uma estratégia mais ofensiva. A resposta foi carregada de sarcasmo:

"Sim, vou colocar em campo um defesa e nove avançados - não te preocupes com isso. Jogamos com um tipo cá atrás e depois vamos para um novo sistema com nove avançados. Não te preocupes que vai ser assim."

Man. United mais atrevido em Liverpool? Resposta mais sarcástica de Mourinho é impossível

Man. United mais atrevido em Liverpool? Resposta mais sarcástica de Mourinho é impossível