O representante de Dani Alves esteve reunido na tarde desta segunda-feira, em Turim, com Beppe Marotta e, segundo adianta o sempre bem informado Gianluca di Marzio, terá conseguido um acordo para que o lateral-brasileiro possa deixar a Juventue e encetar negociações com os dois treinadores que, em Inglaterra, suspiram pela qualidade do seu futebol: Pep Guardiola e Antonio Conte.

O técnico catalão, que em 2008 o foi buscar ao Sevilha para o Barcelona, acena-lhe com a oportunidade de ser um dos futebolistas mais carismáticos no balneário de um Manchester City que busca uma identidade ganhadora. O treinador italiano olha para o brasileiro com uma ideia semelhante - um futebolista experiente, que acrescentaria qualidade a uma equipa que quer regressar em força à Champions League e aposta forte na revalidação do título inglês.

Para que lado penderá o coração de Dani Alves? Desconhece-se. O que parece certo é que o contrato do lateral brasileiro com a Juventus terá chegado ao fim esta segunda-feira e que o futebolista já não deverá regressar a Itália. Apesar dos 34 anos, o sul-americano continua a ser um dos futebolistas mais desejados do futebol europeu. 

Autor: João Lopes