Record

De ver os craques a ser... um deles

Samuel Barata liderou a corrida masculina e mostrou toda a sua satisfação no final

• Foto: Luís Manuel Neves

No final da sua corrida, o campeão nacional, Samuel Barata (Benfica), dizia que "não há palavras! Estou muito satisfeito. Era uma prova que eu acompanhava desde pequeno, que via só os grandes atletas a vencer e agora também sou eu! Foi uma prova muito dura, com ritmos fortes e com muito vento, mas na parte final tinha a certeza de que quem fosse mais forte de cabeça venceria."

Conformado estava o vice-campeão Rui Pedro Silva, do Sporting: "Vinha com o objetivo de ganhar! Felizmente não tenho tido lesões e isso permite-me treinar melhor. Fiz tudo para poder triunfar. Sabia que tinha de estar sempre na frente para poder subir ao pódio e fui até aos limites do meu corpo."

Já a campeã Inês Monteiro, que conquistou o seu 5º título –"A sério? Nem sabia!" –, afirmou que "não conhecia o percurso e tinham-me dito que era uma espécie de montanha-russa. Entrei com cautela, como estava vento e não conhecia o percurso, fui aguentando até ao fim, para depois fugir. Estou muito satisfeita porque tem sido difícil treinar-me na Guarda."

Já a vice-campeã Sara Moreira estava feliz. "Estou a sentir-me bem, só preciso de mais ritmo competitivo. O objetivo é a Taça dos Clubes Campeões Europeus de Crosse. A Inês foi uma justa vencedora. Mas foi ótimo estar aqui. Há um ano estava a ver esta prova pela TV sem saber quando voltaria a correr!", sublinhou.

Por António Manuel Fernandes
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Liga Allianz Running Record

Notícias

Notícias Mais Vistas

M M