O Benfica regressa hoje (17h), na Luz, às competições europeias, apresentando-se como claro favorito frente aos polacos do Gwardia Opole, em jogo da 1ª mão da 2ª ronda da Taça EHF.

Depois das facilidades encontradas na 1ª eliminatória, a fasquia vai aumentar para os encarnados, mas o adversário, que caiu na época transata nos quartos-de-final do playoff da Superliga do seu país, não apresenta trunfos de maior na sua estreia nas provas da EHF.

O líder das águias, o treinador Carlos Resende, está confiante no apuramento: "Espera-nos um embate difícil, mas temos qualidade suficiente para vencer. O objetivo não passa apenas por estar na fase de grupos da Taça EHF, mas sim ultrapassá-la", disse o técnico em declarações à BTV, onde apelou à presença do público no pavilhão nº 2 da Luz.

Resende analisou o bom momento da equipa, que lidera o Campeonato só com triunfos: "É mais fácil jogar com vitórias que derrotas. Quando as equipas vencem e têm a humildade de aprender, é combinação explosiva."

O central brasileiro, João Silva, também acredita: "Viemos de grandes jogos, difíceis e isso acabou por dar grande qualidade ao nosso jogo, o que nos pode ajudar no que aí vem, jogos muito duros para chegarmos à fase de grupos. Este jogo vai ser muito importante e esperamos que os adeptos venham ao pavilhão, até porque apenas teremos um jogo aqui, pois o outro será na Polónia", dia 15.

João Silva revelou ainda como tem sido a sua integração na turma da Luz: "Estou muito feliz por estar no Benfica, já que aqui somos muito apoiados. Assim que souberam que viria para o Benfica, os adeptos começaram a enviar mensagens, o que me deixou muito satisfeito. É uma honra enorme estar num clube tão grande."

FC Porto aguarda por Ohrid

Na mesma eliminatória da EHF, o FC Porto recebe os macedónios do Ohrid 2013, em jogos acordados pelas duas equipas para o Pavilhão Caixa, dias 14 e 15.


Autor: Alexandre Reis