O colombiano Rigoberto Urán (Cannondale-Drapac) venceu esta quinta-feira a 98.ª edição da Milão-Turim, a clássica mais antiga do mundo. O português José Gonçalves (Katusha-Alpecin) acabou por terminar no 46.º lugar da prova italiana.

Urán, de 30 anos, tornou-se no segundo colombiano a triunfar na corrida, repetindo o triunfo de 2016 de Miguel Ángel López, ao superar os adversários na subida final para a colina de Superga, precisando de 4:24.51 horas para cumprir os 186 quilómetros do percurso.

O segundo classificado da Volta a França deste ano gastou menos 10 segundos do que o britânico Adam Yates (Orica-Scott), enquanto o italiano Fabio Aru (Astana) completou o pódio ao terminar a 20 segundos do colombiano. José Gonçalves cortou a meta na 46.ª posição, a 4.51 minutos de Urán.

Autor: Lusa