Record

Assinatura Digital Premium Saiba mais

Sky domina nos prémios

Equipa amealhou mais de 700 mil euros no Tour, Vitória final de Geraint Thomas valeu 500 mil

• Foto: Reuters
A Sky foi a equipa que mais amealhou no Tour. A poderosa formação britânica, que ganhou seis das últimas sete edições, conseguiu encaixar mais de 700 mil euros, de um bolo de 2.287.750 euros que a organização distribuiu em prémios monetários. Grande parte do montante conseguido pela equipa foi graças à vitória individual de Geraint Thomas – 500 mil euros –, e também aos 100 mil euros obtidos por Chris Froome pelo terceiro lugar.

Já o segundo classificado, o holandês Tom Dumoulin, obteve 200 mil euros, num total de 245 mil amealhados pela sua equipa, a Sunweb. Por sua vez, os vencedores das camisolas da montanha e pontos, respetivamente Julien Alaphilipe (Quick Step) e Peter Sagan (Bora), ganharam 25 mil euros cada, e o vencedor da juventude, Pierre Latour (AG2R), um pouco menos, 20 mil euros, o mesmo valor atribuído a Daniel Martin (UAE) por ter sido o mais combativo da edição 2018.

Drapac última

Todas as 22 equipas amealharam prémios no Tour de 2018. A que menos conseguiu foi a Drapac-Cannondale, curiosamente a equipa do norte-americano Lawson Craddock, que terminou a prova em último, depois de a ter feito com o ombro fraturado. Foram pouco mais que 14 mil euros.

Montante que é pouco menor do que aquele que vai calhar ao vencedor da Volta a Portugal, 16.045 euros.
Por Ana Paula Marques
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Tour

Notícias

Notícias Mais Vistas

M M